fbpx

Fresca? Não! Bem criada.

Tag: sessão pipoca

26
set

Filmes que se passam na França!

Quando pensamos na França, na grande maioria das vezes pensamos em Paris. Claro, a cidade das luzes é o símbolo maior do país e faz parte do imaginário de milhões de pessoas ao redor do mundo.

Mas além da capital francesa, outras cidades e regiões apresentam charme sem igual e nos despertam vontade de desbravar as terras das bastilha.

Pensando nisso, nossa equipe montou uma seleção dos melhores filmes que se passam em cidadezinhas da França, além de Paris, para assistir, sonhar e planejar a próxima viagem! Vem com a gente?

 

1 – Um bom ano (2006)

Um banqueiro londrino, Max Skinner, herda a vinícola de seu tio em Provence, na França. Assim que chega à vinícola, ele conhece uma mulher da Califórnia que diz ser sua prima e dona da propriedade.

 

2 – Magia ao luar (2014)

Stanley é um mágico inglês que tem dedicado sua vida a revelar espiritualistas fraudulentos. Ele pretende descobrir se a jovem Sophie é mesmo médium. Quanto mais tempo Stanley passa com ela, mais ele se encanta, correndo o risco de se apaixonar. O que também traz complicações profissionais e pessoais entre os dois.

 

3 – Ladrão de casaca (1955)

O ex-ladrão John Robie, conhecido como Gato, é o principal suspeito de uma onda de roubos de joias na Riviera Francesa. Para não voltar para a cadeia, ele parte atrás do verdadeiro culpado e se apaixona por uma americana rica.

 

4 – Coco antes de Chanel (2009)

Coco Chanel era uma jovem humilde com talento para costura e trabalhava como cantora em um bar. Sua vida muda quando ela se torna amante e conselheira de modas de um rico herdeiro. Cansada dos chapéus floreados, dos espartilhos apertados e metros de fita que definem a moda feminina, Coco usa as roupas de seu amante como ponto de partida para criar uma elegante e sofisticada linha feminina que a leva para o topo da costura parisiense.

 

5 – Chocolat (2000)

Jovem mãe solteira chega a pequena cidade da França com sua filha de seis anos e abre uma loja de chocolates exatamente em frente à igreja local. A população não a vê com bons olhos, mas aos poucos começa a desfrutar de seus maravilhosos produtos.

05
mar

A voz das mulheres no Oscar 2018

Almejamos o dia em que poderemos afirmar com plena certeza que não existe em lugar nenhum no mundo desigualdade entre homens e mulheres. Para uns isso pode soar como utopia, para outras é o foco de uma luta diária.

Essa conquista é fruto de um trabalho dado a passos lentos, miúdos, mas com muito significado. Ter mulheres retomando seu lugar de fala em diversas áreas profissionais e na mídia, é um exemplo e tanto do quanto somos poderosas.

No cinema e em premiações como o Globo de Ouro esse ano, atrizes se fizeram ouvir diante dos inúmeros casos de abuso na indústria do entretenimento. Em protesto muitas usaram a cor preta em seus vestidos, lembrando que o tempo de homens machistas e misóginos acabou! Na 90ª cerimônia de entrega do Oscar não poderia ser diferente. Lá estávamos nós, novamente, reafirmando nossa voz.

A começar pelos enredos dos filmes indicados, contamos histórias de mulheres plurais que romperam padrões, buscaram justiça e alçaram vôos. Nas indicações também conquistamos lugares, como Greta Gerwig, diretora de Lady Bird, única figura feminina a concorrer em Melhor Direção e quarta a ser nomeada na categoria em toda a história.

Thimothée Chalamet, Saoirse Ronan e Greta Gerwig no set de Lady Bird

Além de Greta, tivemos indicações de Mary J. Blidge como Atriz Coadjuvante e autora de Melhor Canção Original, Rachel Morrison como única mulher a concorrer Melhor Fotografia por Mudbound e Agnés Varda, diretora do documentário Visages, Villages e a pessoa mais velha a concorrer em todas as categorias.

Mary J Blige

Rachel Morrison

Agnés Varda

Os looks do red carpet também tiveram papel importante no quesito representatividade. A atriz de Pantera Negra Lupita Nyong’o fez referências ao país fictício de Wakanda em seu vestido Versace e ao estilo de corte de cabelo Amasunzu, típico de Ruanda.

Já a atriz Rita Moreno, símbolo da latinidade nos anos 60, provou que repetir o look é sempre uma boa ideia ao usar o mesmo vestido de quando ela recebeu o oscar em 1962.

atrizes do filme Pantera Negra, Lupita Nyong’o e Danai Gurira

Referência Amasunzu

Rita Moreno em 2018 e 1962

Por fim, a noite de premiações ganhou ainda mais sentido quando Frances McDormand ganhou o prêmio de Melhor Atriz por sua impecável atuação no filme Três Anúncios para Um Crime. Em seu discurso, ela falou sobre inclusão feminina na indústria cinematográfica e convidou todas as mulheres indicadas a ficarem de pé. Para entender melhor sobre a beleza desse momento, segue o vídeo:

“Eu ficaria honrada se todas as mulheres indicadas a prêmios hoje ficassem de pé comigo agora. Maryl, se você fizer, todo mundo vai. Cineastas, produtoras, roteiristas, fotógrafas, todo mundo, compositoras, designers…Vamos lá! Agora olhem à sua volta. Todas nós temos histórias pra contar e projetos que queremos financiar. Caras, não falem sobre isso na festa hoje, mas nos chamem amanhã para os seus escritórios e vamos falar tudo sobre esses projetos. Eu tenho duas palavras: Cláusula de inclusão!”

Cláusula de inclusão ou inclusion rider significa incentivar e exigir em seu contrato que haja pluralidade de gênero, orientação sexual e etnia nos filmes que você pretender participar.

Depois de uma fala tão forte como essa, é impossível negar que a noite do Oscar foi inteira sobre nós mulheres! Ainda que pequenas, essas transformações são primordiais quando falamos de inclusão. E diante de tantos momentos poderosos assim, tomamos fôlego e inspiração para seguir lutando pelo nosso espaço e pela nossa voz. Vamos todas juntas!

Elisa Santiago é Designer de Moda e uma eterna amante das ruas e das artes. Acredita na roupa como elemento de fala e empoderamento. É quem está por trás do @tens_razão.

 

05
abr

Sessão Pipoca: Séries com influência britânica

Não sei se já deu pra reparar (quem me acompanha há mais tempo sabe!), mas eu sou apaixonada pela Inglaterra. Pelo Reino Unido, pra ser mais precisa. A arquitetura, as tradições, a história, a cultura, a educação, o sotaque! Tudo me encanta… E para a minha alegria esse universo inglês está super em alta e vem sendo bastante explorado nas telinhas.

Então, pega a pipoca que hoje eu vou dar dicas de séries com influência britânica!

The Crownthe-crown

A série mais cara produzida pela Netflix até hoje, The Crown retrata a Família Real Britânica, tendo como personagem principal a Rainha Elizabeth II, antes mesmo de ser coroada.

Somos inseridos na Inglaterra dos anos 50, com personagens históricos, como o Primeiro Ministro Churchill. 

A série é super bem feita, o figurino é maravilhoso e é um banho de história! Recomendo e já estou arrasada que terminei a primeira temporada!

thecrownnetflix

Outlander
outlandercover001A série se passa em torno da personagem principal Claire Randall, uma enfermeira em combate em 1945.

Logo no início Claire é transportada no tempo e mandada para 1743, e sua vida passa a correr riscos que ela desconhece.

Nesta nova vida, é forçada a se casar e acaba se apaixonando. O coração de Claire fica dividido entre dois homens, em duas vidas diferentes. Esta é uma das MELHORES SÉRIES DE TODOS OS TEMPOS, NA MINHA OPINIÃO!

outlander

Sherlocksherlock-_credito_-bbcA série mostra as aventuras do detetive Sherlock Holmes e o Dr. John Watson. A dupla vaga pela capital inglesa solucionando assassinatos e outros crimes brutais. Super ágil e ótima pra quem adora um raciocínio rápido e elaborado.

sherlock-2-poster

Poldarkpoldark

A série mescla um drama familiar com os desafios e os conflitos entre ricos e pobres na Inglaterra do Século 18.

Após retornar da Guerra de Independência Norte-Americana, Ross Poldark (Aidan Turner) retorna para casa. Porém sua família e seus amigos achavam que ele estava morto! Essa eu ainda não vi!

poldark2

Reignreing

Reign conta a história da ascensão de Mary Queen of Scots (Adelaide Kane) ao poder, quando ela chega à França aos 15 anos de idade, prometida ao Príncipe Francis. Táaa, não é exatamente uma série inglesa, mas ela vem da Escócia e a série vira e mexe traz elementos da Escócia e da Inglaterra para a trama. Já me agrada por isso! Hehe

A série conta com um elenco e figurino belíssimos e a história é intrigante e cheia de reviravoltas. Um pouco “teen”, mas eu adoro!

reign-3

03
nov

Os FILMES do Coaching que mudaram a minha vida!

Depois de passar pela experiência do Coaching (Método CIS), e depois de compartilhar com vocês Os três livros do Coaching que mais me marcaram durante todo o processo, nada mais justo do que dividir com vocês os demais desdobramentos desta experiência. E assim, eu trago hoje os filmes do Coaching que mudaram a minha vida! Clique para assistir!

ATENÇÃO: PODE CONTER SPOILER!

Se você ainda não se inscreveu no Canal do Anita Bem Criada no Youtube, aproveite para se inscrever clicando aqui! Quem se inscreve recebe os vídeos primeiro (no email e/ou celular) e assim, não perde nada do que vem por aí!

16
set

Vamos “viajar”? Filmes que se passam em Nova York

Na minha opinião, uma das melhores partes de se viajar, é preparar uma viagem. E isto inclui entrar no clima, pesquisar, ler livros, revistas, blogs, ver filmes, documentários, etc. E foi pensando nisso que eu escolhi aqui alguns filmes que se passam em Nova York (desde clássicos até novidades) que despertam aqueeela vontade de vir voando pra cá!

Ah, e antes mesmo de partirmos pra esta seleção, vale mencionar um trabalho super legal, que descobri há pouco. Trata-se do jornalista e fotógrafo Christopher Moloney, que está desenvolvendo o interessante projeto FILMography, que mostra o passado e o presente de locações em Nova York de grandes sucessos do cinema.

A premissa é simples: ele sobrepõe as fotos originais dos filmes na frente dos locais em que foram filmados, fazendo um contraste perfeito. Já foram tiradas mais de 250 imagens. Selecionei algumas nos filmes que citei, mas o trabalho todo você pode ver aqui, clicando aqui:

Vamos lá?

Sex And The City9788Sex_CityUm dos seriados mais icônicos de todos os tempos foi parar nas telonas. O filme mostra Carrie Bradshaw (interpretada pela Sarah Jessica Parker) e suas amigas Samantha, Charlotte e Miranda vivendo em NY e lidando com as novas fases de suas vidas. O legal é que a adaptação mostra vários lugares lindos das cidades e também os looks incríveis (e ousados!) que Carrie usa. Impossível não querer o guarda-roupa da personagem. O longa ainda mostra a importância de saber equilibrar trabalho com relacionamentos e que mesmo sendo diferentes, as quatros amigas conseguem manter a amizade acima de tudo.

Ruth & Alex Em Nova York, Ruth (Diane Keaton) e Alex (Morgan Freeman), juntos há décadas, decidem vender o apartamento onde sempre viveram no Brooklyn e ir para um outro lugar. Eles apenas não imaginam a quantidade de problemas que vão encontrar nas negociações para se desfazer do imóvel que compraram na década de 1970.

O Diabo veste Prada113026_Papel-de-Parede-O-Diabo-Veste-Prada-The-Devil-Wears-Prada_1280x1024

O Diabo veste Prada é uma adaptação cinematográfica do bestseller literário de Lauren Weisberger com o mesmo título. A história é sobre Andy Sachs (Anne Hathaway), recém-formada em jornalismo, acaba de conseguir um emprego em uma famosa revista de moda em um cargo super cobiçado, porém sua chefe é uma editora obcecada pelo trabalho que faz da vida pessoal e profissional de Andy um verdadeiro caos, abalando seu relacionamento e fazendo ela mudar seu estilo para se adequar ao novo cargo.

O lobo de Wall StreetCom a romântica Nova York dos anos 90 de inspiração, o longa conta a história de um ambicioso corretor da bolsa de valores que constrói um império utilizando técnicas questionáveis de vendas de ações. Com Leonardo di Caprio em uma das suas melhores atuações da carreira, é possível identificar diversas partes da cidade como Financial District, Trump Tower, entre outras. Destaque para o incrível restaurante “Top of Sixes” com imensas janelas de vidros no topo do prédio na cena épica de Leonardo de Caprio com Matthew McConaughey.

Localizado no 41º andar do prédio “Top of Sixes” na 5º avenida em Nova York, o restaurante fechou em 1996 deixando saudades.

Mensagem para você219242SZMensagem-Para-Voce-1998Filme de comédia romântica bem água com açúcar estrelando Tom Hanks e Meg Ryan bem no comecinho da era digital em que enviar mensagens virtuais era o máximo da tecnologia pela AOL – American Online. Os dois se conhecem online e começam a se conversar por trocas de e-mails. Também tem um pouco de drama, porque ela é dona de uma livraria e ele é dono de uma megaloja concorrente, mas eles não sabem até então.

Até aí tudo bem, mas por que esse filme entra nos mais legais? Porque todas as locações são reais. Cada cena, cada história é um pedacinho de Nova York retratado fielmente pela diretora Nora Ephron.

Destaque para o aconchegante Café Lalo, utilizado pela Meg Ryan no filme para envio dos e-mails para seu admirador secreto, e é um cantinho próximo ao Museu de História Natural que deve ser explorado.

Os caça-fantasma – O filmeOS-Caca-Fantasmas-Ilustracao-jhroberts.deviantart.com_filmesnovayork-4O que seria de Nova York sem Os Caça-Fantasmas? Sim, Bill Murray e sua turma salvaram a cidade de fantasmas malignos que assombravam nos anos 80.

No filme Peter Venkman (Bill Murray), Ray Stantz (Dan Aykroyd) e Egon Spengler (Harold Ramis) são três cientistas da Columbia University que se dedicam a estudar casos paranormais, até que resolvem abrir uma empresa exterminadora de fantasmas. Um clássico dos anos 80 que vive eternamente na memória de muita gente.

O carro dos “Ghostbusters” passeia pela cidade em pontos como Columbia University, Manhattan Bridge, Rockfeller Center, Central Park e etc.  Se você quer conhecer o Quartel General dos Ghostbusters, o prédio existe, com o clássico símbolo dos caça-fantasmas na calçada, vale a pena tirar uma foto lá, vai ser no mínimo engraçado. HQ Ghostbusters – Endereço: 8-14 North Moore Street

Homem AranhaHomem-Aranha, personagem clássico dos quadrinhos estrelado por Tobey Maguire no papel do nerd Peter Parker que viu sua vida mudar depois de ser mordido por uma aranha geneticamente modificada. Até aí tudo bem. O mais legal é que o filme respira Nova York em todos os momentos: Peter estuda na Columbia University. (West 116th Street). O prédio onde fica o apartamento do Norman Osborn existe de verdade. (East 40th Street and 1st Avenue). Ben, tio de Peter Parker, dá uma carona para ele até a New York Public Library (5th Avenue and 42nd Street), entre outras locações ao longo do filme que fazem você se sentir em Nova York.

Frances HáfranceshaFrances Ha é um filme muito leve e fofinho. O filme mostra o cotidiano de Frances – vivida por Greta Gerwig – ela tem quase 30 anos e ainda não sabe muito o que fazer da vida.  Formou-se há algum tempo na universidade e sonha com uma vaga na companhia de dança.

O sonho de Frances em ser bailarina e encenar as suas próprias coreografias surge sempre como um dos muitos desafios que esta personagem encontra, ao mesmo tempo que procura superar as suas adversidades .

O filme se passa na parte menos glamourosa de NY, mas acho que mostra muito bem esse cotidiano da cidade que nunca para. Outra curiosidade é que o filme é todo em preto e branco.

Bonequinha de luxoAudrey-Hepburnfilmesnovayork-750x380Um clássico que já possui Nova York no nome original ” Breakfast at Tiffany’s “,fazendo uma alusão a cena inicial do filme onde Holly toma  seu café da manhã em frente famosa loja da Quinta Avenida, na intenção de fugir dos problemas.

A história gira em torno de Holly Golightly, uma garota que está decidida a casar-se com um milionário. Perdida entre a inocência, ambição e futilidade, seus planos mudam quando conhece Paul Varjak, um jovem escritor bancado pela amante que se torna seu vizinho, com quem se envolve. Após assistir “Bonequinha de Luxo” com certeza você vai ficar com vontade de ver todos os filmes protagonizados pela lindíssima Audrey Hepburn.

NY, eu te amotmgMWRJA7l8eFZtZaMXbeYRkwHHNova York, Eu Te Amo é um filme composto por onze curtas-metragens, cada segmento durando cerca de 10 minutos. Foi gravado em cinco bairros diferentes de Nova York. O filme é semelhante a “Paris, I Love You”, filme de 2006, que conta pequenas histórias que acontecem na cidade de Paris.

As coisas impossíveis do amormaxresdefaultfilmesnovayork-22Emilia (Natalie Portman) é uma advogada recém-formada que vai trabalhar numa firma e acaba se envolvendo com o seu chefe casado, que depois se separa da esposa e fica com Emilia. Os dois têm um bebê que, por causa de uma tragédia, morre ainda muito pequeno, o que vai provocar muitas complicações no relacionamento do casal. Emilia agora tem que superar a perda do filho, enfrentar as constantes brigas com Carolyn (Lisa Kudrow), a ex-mulher de Jack, e tentar conquistar o amor de William, filho do primeiro casamento de Jack, além de lutar para reatar os laços afetivos com o seu pai.

Cisne Negro

clean2cinema e afinsBeth MacIntyre (Winona Ryder), a primeira bailarina de uma companhia, está prestes a se aposentar. O posto fica com Nina (Natalie Portman), mas ela possui sérios problemas pessoais, especialmente com sua mãe (Barbara Hershey). Pressionada por Thomas Leroy (Vincent Cassel), um exigente diretor artístico, ela passa a enxergar uma concorrência desleal vindo de suas colegas, em especial Lilly (Mila Kunis). Em meio a tudo isso, busca a perfeição nos ensaios para o maior desafio de sua carreira: interpretar a Rainha Cisne em uma adaptação de “O Lago dos Cisnes”.

De pernas pro ar 2depernasproar2Alice (Ingrid Guimarães) agora é uma empresária bem-sucedida, que continua trabalhando muito, mas sem deixar de lado o prazer sexual. Ela está bastante atarefada devido à abertura da primeira filial de sua sex shop em Nova York, ao lado da sócia Marcela (Maria Paula). Seu grande objetivo é levar para a América um produto erótico inédito, o que faz com que ela fique bastante estressada. Até que, durante a festa de comemoração pela 100ª loja SexDelícia no Brasil, Alice tem um surto devido ao excesso de trabalho. Ela é internada em um spa comandado pela rígida Regina (Alice Borges), onde conhece várias pessoas que buscam controlar suas obsessões e ansiedades.

Hitch- Conselheiro amoroso

a286filmesnovayork-20Alex “Hitch” Hitchens (Will Smith) é um lendário, e propositalmente anônimo, “doutor do amor”, que vive em Nova York. Em troca de uma determinada taxa, ele se dispõe a ajudar homens a conquistar as mulheres de seus sonhos. Enquanto trabalha para Albert (Kevin James), um contador que se apaixonou pela socialite Allegra Cole (Amber Valetta), Hitch conhece a mulher que acredita ser sua própria cara-metade: a jornalista Sara Melas (Eva Mendes). Apaixonado, Hitch decide conquistá-la mesmo correndo o risco de ter sua identidade desvendada pelo jornal em que Sara trabalha.

No Pique de Nova York585687

O filme lançado em 2004 foi o último que as irmãs atuaram juntas. De lá pra cá Mary-Kate e Ashley Olsen vem se dedicando apenas ao mundo da moda. O filme é bem levinho e adolescente, gostoso pra ver em um domingo sem nada pra fazer, sabe? Além de mostrar bastante de NY!

Esqueceram de mim 2 – Perdido em NY

004Esqueceram-de-Mim-2-Perdido-em-Nova-York-1992

E para fechar, o clássico  Se esqueceram de mim! Garoto (Macaulay Culkin) se vê novamente sozinho, quando em virtude de uma confusão no aeroporto que fez com que ele ao invés de embarcar com a família para a Flórida partisse sozinho para Nova York. Mas como tinha o cartão de crédito do pai (John Heard), ele se hospeda no melhor hotel da cidade, mas também encontra os dois ladrões que tinha enfrentado no passado e que agora planejam se vingar dele.

E vocês? O que recomendam para engrossarmos essa lista aqui? Vamos trocar figurinhas?