Fresca? Não! Bem criada.

Tag: trend

20
jul

Projetos e inspirações com o De Casa Nova Arquitetura!

Se tem algo que eu busco constantemente em todas as áreas da minha vida é a mudança. Avançar, dar o passo seguinte, melhorar – acredito que assim renovamos nossas energias e evoluímos como pessoa.

A busca por essas transformações acaba sempre se refletindo em todos os patamares da minha vivência. Quando mudo por dentro o reflexo se encontra no que visto, na minha alimentação, na minha rotina e também no espaço em que vivo.

E diante dessa nova fase de transição na qual me encontro decidi que era hora de repaginar o principal ambiente da minha casa: a sala!

Para iniciar essa empreitada contei com a minha fiel escudeira das reformas: Mariana Lazarini, arquiteta à frente do De Casa Nova, escritório de arquitetura responsável por todas as mudanças que estão ocorrendo (desde o projeto, até a execução, acompanhamento), tudo feito com extremo zelo, carinho, cuidado e competência!

Para quem não sabe a Mariana é quem comanda o @de_casa_nova, perfil no instagram e escritório, que tem como objetivo provar que a arquitetura é sim, para todos. Seu principal objetivo é fazer com que o projeto de arquitetura atenda ao cliente estética, funcional e financeiramente. “Não adianta propor um design lindo, que a pessoa não esteja disposta ou não possa executar. Projeto bom, é aquele que, além de bonito, tem a cara do cliente, atende as suas necessidades, desejos, e cabe no bolso.” – afirma nossa arquiteta.

Cuidar do projeto em sua totalidade, acompanhando os mínimos detalhes, também é um fator fundamental. Dada, principalmente, a rotina corrida da atualidade, ter um arquiteto cuidando de tudo é sinônimo de economia de tempo e dinheiro.

Não importa se o apartamento é próprio ou alugado. Se a reforma é grande ou pequena. Todos podem ter uma casa aconchegante, bonita, e funcional. Que torne os momentos mais práticos e agradáveis.

Hoje, o De Casa Nova Arquitetura atende desde a consultoria, para orientação de forma pontual, e para quem não precisa ou não deseja um projeto elaborado, até o projeto completo e acompanhamento de obras de arquitetura e interiores comercial e residencial.

Mariana Lazarini

Instagram: @de_casa_nova
E-mail: contatodecasanova@gmail.com
Telefone: (31) 991892117

 

06
jul

Hotel que fiquei em San Francisco: Stanford Court San Francisco

Dando continuidade à série sobre os hotéis que me hospedei pela Califórnia, hoje falo do Stanford Court San Francisco, que foi onde fiquei na terceira parte da viagem.

Logo de inicio já afirmo que essa foi nossa melhor hospedagem até então! A localização não poderia ser melhor – ao mesmo tempo em que está próxima do fervo da Union Square, há dois quarteirões de distância, encontra-se num ponto sem muita agitação e barulho, ideal para descansar.

Além do local estratégico, bem pertinho de nós passava o Cable Car, àquele bondinho que percorre vários pontos memoráveis da cidade e também diversos ônibus que nos levam aos principais monumentos turísticos.

O hotel em si é extremamente bonito, novo e grande! E uma das melhores partes em se hospedar por lá, foi que na hora do check-in ganhamos um up grade e conseguimos um quarto maior, com duas camas tamanho queen e uma vista estonteante de San Francisco que nos relaxava por completo depois de dias intensos de andanças.

Assim como a maioria dos hotéis pelos Estados Unidos, o café da manhã não é incluso, mas no Stanford Court foram-nos oferecidas duas opções de refeição: uma de $28 dólares bastante completa com pães, vários tipos de ovos, salsichas, bacon, sucos, frutas, nutella e outra mais resumida de $22 dólares com frios. Convertendo esses valores, o desjejum não sai tão barato, mas esse é o preço médio por lá e para nós valeu muito a pena, pois estava tudo delicioso!

O único ponto negativo nos quartos para mim foi o carpete, já que costumo ser bem alérgica. Mas infelizmente esse é um padrão americano e por todos os lugares que passamos notamos essa questão.

A nossa escolha de se hospedar nesse hotel foi um acerto e tanto, e posso recomendar a hospedagem de olhos fechados, pois é sem dúvidas o melhor custo benefício até então!

Se você ainda não viu ou quer saber mais sobre minhas outras hospedagens pela Califórnia, basta clicar aqui:

Red Lion Anaheim

Whyndham Santa Mônia

 

 

 

04
jul

Vem aí a segunda edição da Feira Chica!

A valorização da economia local nas grandes cidades têm se mostrado como uma tendência comportamental  nos últimos anos. Trocar itens produzidos em marcas renomadas e com pouca durabilidade por produtos confeccionados com qualidade artesanal, vêm se tornando cada vez mais comum e viável.

Parte responsável por essa mudança de mentalidade, são as feiras que acontecem frequentemente em diversos pontos das metrópoles, apresentando propósitos como o desaceleramento do consumo e o feito à mão.

Em Belo Horizonte essas pequenas iniciativas já são muitas e ganham cada vez mais espaço na programação cultural. Dentre as inúmeras feiras desse tipo, destaca-se a Feira Chica – um evento que tem por objetivo promover mulheres que empreendem localmente.

Idealizada pelas amigas Milene Agnes, Marcelha Pereira e Elisa Santiago, ela chega a sua segunda edição com um maior número de expositoras, muita moda, arte, design e um novo lugar!

Dessa vez a Feira Chica será recebida em um dos espaços mais comentados e charmosos de BH: a Casa Rosa do Bonfim, uma construção dos anos 50, administrada pela artista plástica Paulina Ribeiro, que abriga obras de arte urbana e um jardim irresistível!

Reforçando ainda mais a ideia de impulsionar negócios com gestão feminina, as curadoras contam que nessa segunda edição além das expositoras, todos os serviços contratados para fazer o evento acontecer são administrados e realizados por mulheres, desde à dona do espaço, passando pela fotógrafa, até a segurança.

Dentre a lista de marcas presentes na feira, nomes como Fernanda Torquett, Jambu Bags e Yellow Factory estão confirmadas, além de diversas outras opções de roupas, acessórios, decoração, perfumaria, papelaria, botânica e gastronomia.

A Feira Chica é uma excelente opção não só para quem quer comprar e conhecer novas produtoras, mas também para quem quer passar o dia, relaxar e comer várias delícias que serão oferecidas em food trucks na porta da casa.

O evento acontece então no próximo sábado, dia 7 de julho, de 11h às 17h e tem entrada gratuita para todos, inclusive para quem quiser levar os pets! Se eu fosse você, já colocava na agenda, por que será imperdível!

 

Para mais informações basta ir ao instagram da feira @feira.chica ou ao evento no facebook!

Feira Chica

Dia 7 de julho – de 11h às 17h

Casa Rosa do Bonfim – Rua Botelhos, 90 (entrada pela Rua José Ildeu gramicelli)

27
jun

Tênis Balenciaga – o fashion hit da vez!

No início do ano passado a marca Balenciaga lançou o primeiro modelo do que viria a ser um hit entre os fashionistas de todo mundo: o tênis que ficou conhecido como “ugly shoe” (sapato feio), possui referências dos anos 90 e de esportes como basquete e corrida.

Mas se esse calçado ficou conhecido por ter um aspecto feio, por que vêm fazendo tanto sucesso?

Bom, para essa pergunta, existem um conjunto de respostas. Primeiramente, a Balenciaga passou por momentos de incerteza e troca de direção criativa em 2015. Com a saída de  Nicolas Ghesquière que foi para a Louis Viutton, quem assumiu o cargo foi o estilista Damna Gvasalia, fundador da insider Vetements.

Damna, revitalizou a marca e trouxe para ela uma pegada normcore bem direta, tão presente em seu DNA como artista. Desde sua entrada, criou peças como a polêmica sandália Crocs com plataforma e também o visual com inúmeras camadas de casacos que viralizou na internet.

A intenção do estilista é exatamente provocar conflito diante de peças que causam estranheza com sua estética, sendo comercializadas em uma das maiores maisons do mundo. A ideia é reafirmar o poder que a logo e o status imprimido à marca possuem. Usar um item Balenciaga é agregar uma informação de moda completamente fresh ao look, mesmo que seja controverso.

Além da logomania, o estilo robusto dos tênis em questão, é também um atrativo que o torna queridinho entre os amantes do street style. A vibe diretamente dos anos 90, que remete aos calçados esportivos utilizados na época, faz com que esse modelo de US$850 esgote em minutos e seja reproduzido por diversas outras marcas ao redor do mundo.

Recentemente, a marca brasileira Schultz lançou sua versão do ugly shoe e já é sucesso mesmo na pré-venda.

E se você ainda está em dúvida se o tênis Balenciaga é mesmo sucesso, deixamos aqui algumas inspirações de como usa-lo e de como transformar o look com esse sapato statment!

 

 

25
jun

Guia completo sobre coturno!

O tempo frio pede sapatos mais fechados e que cumpram a função de esquentar nossos pés. Mas mais do que conforto, uma peça se torna interessante e desperta desejo, quando atrela a sua funcionalidade ao quesito estético.

As botas de forma geral, caem perfeitamente nessa categoria que une estilo e praticidade, mas dos inúmeros modelos que encontramos no mercado, o coturno é um dos que mais sentimos alinhados às tendências do momento!

E para quem quer investir nesse calçado tão confortável e tão estiloso, preparamos uma seleção de modelos, dicas e lugares de onde comprar o coturno ideal!

 

Coturno + jeans:

 

Coturno + vestido fluido:

 

Coturno + jardineira jeans:

 

Coturno + saia midi:


 

Coturno + short:

 

 

Para adquirir o produto da imagem, basta clicar no link abaixo dela!

Coturno Petitas – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno com salto Amaro – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno vinho Petitas – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno camurça Amaro – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno branco Petitas – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno Dafiti – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno fivela Petitas – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

Coturno marrom Dafiti – CLIQUE AQUI PARA COMPRAR

 

E para quem ainda está em dúvida de como usar, combinar e aderir ao coturno, segue um vídeo bem explicadinho e cheio de dicas!