fbpx

Fresca? Não! Bem criada.

Tag: Versalhes

03
out

Vídeo: Um dia PERFEITO em VERSALHES: como ir, o que fazer, onde comer dicas e MAIS!

Nesse mês de setembro completamos oito anos de casados. Para comemorar essa data e tanto tempo juntos, decidimos revisitar a França!

Dessa vez nosso roteiro passou por cidades francesas que até então não conhecíamos, mas nosso desembarque aconteceu em Paris e com uns dias livres por lá optamos por fazer um passeio clássico, porém surpreendente: um dia em Versalhes!

No vídeo de hoje então eu mostro todos os detalhes desse dia, as dicas, o que fazer e o que não fazer, como evitar filas, como tirar fotos melhores, e muito mais. Vem ver!

Se você ainda não se inscreveu no Canal do Anita Bem Criada no Youtube, aproveite para se inscrever clicando aqui! Quem se inscreve recebe os vídeos primeiro (no e-mail e/ou celular) e assim, não perde nada do que vem por aí!

14
set

Tudo o que você precisa saber para visitar Versalhes!

Nesse mês de setembro completo oito anos de união com meu morequinho, o Luciano. Para comemorar essa data e tanto tempo juntos, decidimos revisitar o destino da nossa lua de mel, a França!

Dessa vez nosso roteiro vai passar por cidades francesas que até então não conhecíamos, mas nosso desembarque aconteceu em Paris e com uns dias livres por lá optamos por fazer um passeio clássico, porém surpreendente: Versalhes!

Como já conhecemos grande parte das atrações turísticas da cidade, resolvemos dedicar um dia inteirinho ao complexo de palácios do séc XVII que abrigou as figuras icônicas do rei Luís XVI e sua esposa Maria Antonieta.

O casal protagonista da família real francesa desse período é até hoje uma referência polêmica por terem vivido entre muitos excessos, quando o país passava por uma fase extremamente precária, mas é impossível negar que o legado arquitetônico deixado por eles é algo que segue impressionando todos que o visitam.

Para se ter uma dimensão da grandiosidade da construção seguem números arrebatadores: O Palácio tem 2.153 janelas, 67 escadas, 352 chaminés, 700 quartos, 1.250 lareiras, 700 hectares de parque  e é o segundo ponto turístico mais visitado da França.

Dentre os aposentos principais estão Os Apartamentos de Estado, o quarto do rei, o quarto da rainha, a Galeria dos Espelhos, a Capela de Versalhes, o parque e o jardim e o Palacete de Maria Antonieta.

Versalhes foi construída com o intuito de ser centro do poder do Antigo Regime francês, além disso foi a solução encontrada para que a família real fugisse das grandes manifestações e doenças presentes na capital.

A aldeia rural que hoje é subúrbio de Paris foi palco de grandes momentos históricos, como quando a rainha Maria Antonieta proferiu a clássica frase: “Se não tem pão, que comam brioches”. Alguns historiadores até questionam a veracidade dessa passagem, mas ela já é parte definitiva do imaginário francês.

Para visitar Versalhes dou a dica para que se compre ingressos antecipados e com horário, pois as filas no local são enormes e dessa maneira é possível poupar tempo! Outra dica interessante é pesquisar previamente as maneiras de chegar até o palácio. Trens e transfer são as melhores opções!

Na hora da alimentação existem restaurantes como o do estrelado chef Alain Ducasse, o café Angelina e tantos outros espalhados pelos jardins. Para quem busca economizar é possível levar alguns lanches, mas é necessário que se consulte antes as restrições de quais produtos são permitidos entrar no complexo.

Versalhes é realmente estonteante e vale muito a pena a visita. Por lá é possível não só encher os olhos com tanta arquitetura icônica, mas é também um convite a um mergulho no passado!