Fresca? Não! Bem criada.

Tag: Arte

01
jan

O ballet inspira Patrícia Bonaldi para o verão 2014

O universo do ballet foi a fonte de inspiração para Patricia Bonaldi, estilista mineira de 33 anos, criar sua coleção verão 2014. As peças, que transitam entre o romantismo e a figura imponente dos figurinos da dança, foram apresentadas ontem, dia 25 de junho, em um chá da tarde seguido por um trunk show no Iate Clube de Santos.

A divisão da cartela de cores remonta à evolução de uma coreografia e vai dos tons mais suaves aos mais intensos, passando por nuances do rosa, bege, dourado e tons saturados de azul, até chegar ao preto. Peças fluidas e com movimento completam a lista de referências à dança. Nas estampas, arabescos e inspirações barrocas, com renda e aplicações, além dos cristais Swarovski Elements aplicados manualmente. Um tecido especial desenvolvido pela empresa suíça Jakob Schlaepfer, com recortes a laser e um traçado de fitas de veludo, será uma das grandes apostas da estilista.  patricia-bonaldi-verao-2014-01patricia-bonaldi-verao-2014-02patricia-bonaldi-verao-2014-03patricia-bonaldi-verao-2014-04patricia-bonaldi-verao-2014-05patricia-bonaldi-verao-2014-06patricia-bonaldi-verao-2014-07patricia-bonaldi-verao-2014-08patricia-bonaldi-verao-2014-09patricia-bonaldi-verao-2014-10patricia-bonaldi-verao-2014-11patricia-bonaldi-verao-2014-12patricia-bonaldi-verao-2014-13patricia-bonaldi-verao-2014-14patricia-bonaldi-verao-2014-15A construção de peças a partir do tema extrapolou a coleção de roupas: Patricia também vai lançar uma linha de sandálias em parceria com a Schutz – são seis modelos que resgatam a estética da dança ao fazer uso de rendas, saltos bordados e detalhes como laços e fitas de cetim.bg9

 

Aqui embaixo a TOP estilista e algumas de suas convidadas.Patricia BonaldiLalá RudgeMarina Ruy BarbosaJulia FariaMariana RiosMartha GraeffThassia NavesFernanda BarbosaMarina MantegaTexto: Vogue
Imagens: Vogue, Glamurama e Elle.Abril

Se fosse pra escolher apenas um, qual vocês escolheriam e por quê??

 

01
jan

Diário de ANITA!

Ei gente! Como anda o tempinho por ainda estão? Em BH a semana foi friazinha e bem gostosa, com direito a chuvinha e tudo. Esxiste coisa mais deliciosa que a equação chuvinha + quitandinha +  cafezinho?? Nãaaao tem! No finalzinho da semana, já entrando no clima do final de semana, me esbaldei, aproveitando o clima super apropriado para isto. CafézimAh, ainda no final da semana saiu uma entrevista minha no Vila Mulher, um site super legal do Terra. Lá dei dicas relacionadas ao tema “Finannças e Planejamento do Casamento“. Bem Legal. Para acssarem a entrevista, cliquem aqui. Vila MulherBom, esses dias vim dar uma passeadinha rápida em Curitiba. Já conhecia a cidade, de passagem, por conta das idas a Joinville com o Ballet, mas nunca a ponto de esticar um pouquinho mais. Não sei vocês, horas de voo e aeroporto EXIGEM um conforto, né!? Sapatos confortáveis, baixinhos, rasteirinhos são pedida obrigatória pra mim.E quando a gente consegue conforto aliado a beleza e paixão??? Vocês já devem ter percebido que o meu amor pelo pied de poule anda imenso, né!? Quando via essa sapatilha então, quase MURRY! Ela, além de fofa, é muito confortável e estilosa. Nâo pensei duas vezes! O que acham? Ah, ela é da Arezzo! Pied de pouleBom, não fui muito a fim de ficar registrando mil looks do dia não, até porque seria tudo muito rapidinho pra isso. Mas claaaaaaaaro que isso não significa nenhum registrozinho, né!? Então, pra não dizer que não rolou, aqui um look de espelho para passar um dos dias. Conforto com uma gracinha. Não custa, né!? Look do diaBom, como disse, o esquema foi beeem corridinho mesmo, mas super bem aproveitado. Deu pra conhecer bem a cidade, com destaque para alguns lindos e notáveis pontos turísticos. Um dos lugares que mais amei conhecer foi o Bosque Alemão, um bosque em homenagem aos imigrantes alemães. Amei a “viagem” que o lugar nos propõe. Entre os destaques, a trilha de João e Maria, dos contos dos Irmãos Grimm, escrito em 1812. Amei muito! Um lugar, como dito, onde você encontra “contos infantis destinados aos interssados na clareira da inocência, em meio à floresta da modernidade”. Bosque AlemãoOutros dois lugares faaaaaaaantásticos são o Museu do Olho, de Oscar Niemeyer, e o Jardim Botânico. Grandes belezas desse nosso Brasil! muito orgulho MESMO! MONJardim BotânicoUm dos restaurantes que conhecemos, que merece destaque, foi o C La Vie, dono de uma consagrada culinária francesa com um toque de inovação bem brasileiro, em um ambiente inspirado nos bistrôs parisienses. Adorei! O prato escolhido foi essa gostosura aí! C La VieAhh, estreei o meu moletom com renda mais fofo que já vi! Pensem num conforto aliado ao glamour? É isso!? Ah, e ele é da Renner! :)Moletom e RendaBom, como disse, a temporada foi intesnsa, mas curta. Hoje as coisas voltarão à sua rotina e, assim, deixo vocês com esta bela (e sem filtro!!) imagem de lindas flores do Jardim Botânico. FloresUma maravilhosa semana a todos!! Bjim!

01
jan

Presença de Anita/Look do dia


Dobradinha de Presença de Anita/Look do dia!!! Mas vejam bem, logo vocês irão perceber que esse Presença de Anita/Look do dia é um tanto quanto diferente dos demais. Sim, aqui também vim registrar minha presença a algum evento/lugar/acontecimento, como é a ideia da categoria. Mas desta vez não vou mostrar nenhuma produçãozinha fashion (ou com pretensões de). É que queria compartilhar com vocês esse momento especial que tive ontem, dia 14.Não sei se comentei, mas retomei as aulas de ballet no início do ano, na academia Unique (eleita a academia mais bonita do mundo), que, aliás, será tema de um post específico, em razão do meu TOTAL encantamento com o lugar. Continuando, apesar de ter feito aulinhas aqui e acolá, minha última apresentação pra valer mesmo foi há quase 4 anos, quando dancei Kitri, de Dom Quixote.Qual não foi a minha surpresa quando meu professor de ballet me convidou para uma apresentação especial que a academia faria para comemorar o dia das Mães. O foco da apresentação eram as crianças (80 pequetitas de 3, 4, 5 e 6 anos!!), mas nós dois fecharíamos o espetáculo com um pas-de-deux. Gente, vivi e revivi tudinho naqueles instantes antes de entrar para dançar. A ansiedade, a boca seca, a mão gelada, tuuuuuuuuuudo continua na mesma.. rs. Até penso: “desta vez será a última que participarei”. Mas é só acabar a apresentação para eu me pegar numa verdadeira redenção: “hmmm, é tão gostoso, quero de novo”.. haha.. E assim foi o que aconteceu ontem..Então aqui mostro pra vocês alguns pequenos registros da noite especial de ontem.


LOOK DO DIA! Hahaha..
Mas acho que agora não tá valendo muito servir de inspiração não, né..rs


Abaixo fotitas, em casa ainda, me preparando e me maquiando para a apresentação. Em dias de apresentação a “mexida” começa cedo!

Aqui já no ballet fazendo baguncinha e aquecimento na sala de aula. Abaixo estão a Elisa, minha colega de ballet que também se apresentou, e meu professor, Yuri Bríedis.

 Vejam que fofuras essas pícolas bailarinas aí embaixo. Passei maaaaaaaal de ficar alguns minutinhos perto delas. São tão lindinhas, carinhosas, sinceras… É muito bom ter criança por perto. Quando eu estava próxima de entrar, uma delas, da turminha de 5 anos virou pra mim e falou: Tia, arraaaaaaasa tá.. kakakaka.. Não é pra derreter???

E abaixo trechos do nosso pas-de-deux. Dançamos um dueto do ballet de repertório Gisele, chamado Pas de Paysant. Muito lininho. As fotos não estão muito nítidas, pois é complicado capturar imagens em constante movimento. O fotógrafo fez o que pode e o que não pode.. hihi

Rodopiandooooo

Por fim, convidados e companheiros!

ANITA bailarina voltooooooou!

01
jan

Diário de ANITA!!

Oi meus queridos! Como foram de semana e de final de semana? A minha semana foi um tanto quanto tumultuada, com altos e baixos, e muuuuitas emoções (boas e ruíns). Nada demais não, mas foi! Aliás, a vida é assim, né!? Uma eterna montanha russa, com pontos altos, baixos e reviravoltas mil, né?! Mas a beleza da vida está em sabermos levantar, sacodir a poeira e dar a volta por cima, né não? Então prossigamos..rs.

No meio da semana passada eu fui ao salão. Estava o que é raro com trocentos procedimentos marcados, dentre eles, um corte, uma hidratação power, o clareamento das pontas, sobrancelha, etc. Mas a agonia começou aí.. Depois de alguns minutos sentada na cadeira da profissional, qual não foi minha surpresa quando ela TOSOU meu cabelo?! Detalhe, tinha ido lá alguns dias antes exatamente para explicar que eu queria cortar o suficiente para tirar umas pontinhas feias. O resultado disso tudo foi que perdi quase dois palmos do meu cabelo o que me deixou exatamente dois dias INTEIROS chorando, literalmente! O restante? Nem fiz? Saí tão desnorteada de lá que não tinha mais graça “brincar de salão”. Exagero pra alguns, eu sei, mas só eu sei o que senti. Tentando restabelecer a normalidade da vida (dramática!?! rs) fui ao cinema na sexta assistir ao tão festejado Intocáveis, filme francês que estreou há pouco tempo. MEODEOS, que surpresa agradável foram aquelas quase duas horas de filme!! Falo dele até agora, de tanta empolgação. Quanta lição, quanta diversão e, mesmo sendo catalogado como drama, quanta risada.. Hahah. Não vou contar nadica não! Quem não assistiu PRECISA ir correndo ao cinema! De lá fui prestigiar o lançamento de um livro que, além de a autora ser mãe e tia de amigos queridos, o tema é algo extremamente intrínseco a mim e à minha vida. Não é à toa que tenho uma tatuagem estampada em mim exatamente com o mesmo título da obra: RESILIÊNCIA.  Tudo a ver com o que comecei dizendo no post, não? Veio em boa hora.. Como disse, o livre se chama Resiliência e foi escrito por CELIANE SECUNHO. Estou doidinha pra ler!No sábado, aquele dia que se tem um tempinho a mais para fazer uma “arte”, foi dia de inventar moda com uma mesa bonitinha e de ir brincar na cozinha. Montar uma mesa é algo que me encanta loucamente. Viajo naquilo. Adoro! Já a comida foi, digamos, uma #semvergonhice da minha parte. É que eu fiquei com preguiça de “botar a mão na massa”, então, a solução, foi fazer uma massa semi pronta e que, no final das contas, ficou uma diliça! Acrescentei um molhinho, umas ervinhas/temperinhos e.. zapt! Só na roliçança! Bom, depois de alguns dia me acostumando com o novo cabelo SURECO, eu encarei e postei no instagram (@anitabemcriada), já que, com a foto do antes, da transformação, acabei deixando todo mundo curioso pra saber o que tinha feito afinal. E, afffff, aquela expectativa toda me deixou ainda mais tensa, pois quando postei a foto do antes não imaginava que aconteceria o que aconteceu. Mas, no final das contas, depois que postei no instagram o resultado, a receptividade foi tão grande e tão gostosa que fiquei beeeeem mais animadinha. Então tá aqui pra vocês verem também. Nessa primeira foto o cabelo escovado. E nessa outra foto aqui, uma produção com baby-liss (pra ficar mais parecida com os cachos). No domingo foi dia de passear: Parque da Cidade e Torre de TV digital. Esta última ainda era novidade pra mim, então aproveitei para mudar isso. E adorei o passeio. Fui bem no meio do dia, na hora do almoço, creeeeeeente que não ia ter ninguém e.. hãm! Olha aí o tamanho da fila! A subidinha ficou pra uma ooooutra vez! Ahhh, e antes que eu me esqueça, em meio à turbulência da semana, aconteceu algo MUUUUITO legal! O Anita bem criada foi convidada para ser parceira do Helio Diff, salão badaladeséeeeeeeerrrimo aqui de Brasília, com seis unidades espalhadas pela cidade. Não é muito legal?!?! Mas depois conto todos os detalhes por aqui!! Então é isso!! Uma maravilhosa semana pra todos nós! Muito iluminada e feliz!

01
jan

A “Joia do Lago”!

Gente, olha que coisa esta casa situada em Escarpas, Minas!! Além da beleza e exuberância, por si, achei legal postar, pois ela foi projetada pela irmã de uma amiga quiriiiiiiiiiiida (Maísa!!), a arquiteta Marina Correa, juntamente com Ivan Andrade Vasconcelos.

Com a proposta de uma casa confortável e aconchegante, onde a família pudesse passar agradáveis momentos com amigos, a designer de interiores Jóia Bergamo integrou a exuberante paisagem local à arquitetura contemporânea e criou um verdadeiro resort particular. Com dois mil metros quadrados de área construída (!!!!!), a casa fica às margens da represa de Furnas, no balneário de Escarpas do Lago (MG) e atende, nos mínimo detalhes, ao pedido da proprietária, uma executiva com filhos casados, netos e muitos amigos. “A cliente queria uma casa onde pudesse receber bem, com espaços elegantes mas sem perder o objetivo principal: um lugar para relaxar e descontrair. Assim, tentei trazer a beleza e a tranquilidade do exterior para dentro da casa tornando-a um lugar agradável e acolhedor”, explica Jóia.

Ao projeto de arquitetura Jóia somou um décor contemporâneo e essencialmente confortável, que explora composições personalizadas de tons, texturas e materiais naturais. “Procurei aproveitar a amplitude dos ambientes e a integração com a área externa da casa com uma linguagem leve e atual para móveis, objetos e acabamentos”, diz a designer. Madeira, mármores e fibras foram a base de um projeto de interiores em harmonia com a arquitetura imponente e aberta ao lazer. Vejam que coooooisa..

A iluminação especial valoriza a arquitetura e cria recantos aconchegantes na área externa. No deck em madeira, sofás, pufes e chaises longues convidam a relaxar. A área de piscina recebeu spa integrado e charafiz; além da iluminação que destaca o ambiente. A ampla área de piscina vista de outro ângulo e à noite.  A área de piscina vista de dia.Uma ponte no deck em madeira cruza a raia da piscina, com acesso à sauna. A vista para a represa compõe a área de descanso, que tem deck em madeira e móveis em alumínio e fibra sintética. Com design atual, móveis em fibra e madeira (Breton Actual) asseguram a descontração na varanda coberta.  Parece até pintura, gente!Anexo à casa, o amplo espaço gourmet tem portas de correr em vidro que mantêm a vista permeável. Com 12 lugares, a sala de jantar ganhou um toque de sofisticação com o lustre em cristal com design de Philippe Starck. (isso é mooooooooooito fino, gentchyyy!). A mesa com base em madeira e tampo em vidro tem os mesmos traços contemporâneos das cadeiras. Confortável, a sala multiuso é o local preferido para ver TV. Na sala multiuso, a opção foi por estofados de linhas retas e tamanhos generosos, tapete de fibras longas, mesa de centro em laca e tamboretes como apoio. A tela é de Claudia Ganon. As poltronas de estilo deram um toque elegante à composição do living. Mesa de centro com base espelhada e iluminação pontual embutida completam o ambiente. Uma das suítes, com vista da paisagem. Painel de madeira compõe a cabeceira da cama nesta suíte que integra a área de banho. A banheira “solta” utiliza o sistema de instalação “plug and play” onde só é necessário um ponto de entrada e saída de água. O painel de fotogravura feito sob medida (Blue Concept) delimita a área de banho e dá sensação de amplidão ao ambiente.

Liiiiiiiindo, né?! Puro luxo!! Já falei que sempre quis ser arquiteta? Hehehe..

Fonte: Revista Casa Mix

Contato da arquiteta: Marina Silveira Corrêa
Arquiteta – CAU 76486-8
E-mail: marinascorrea@gmail.com; correa_marina@yahoo.com.br