Fresca? Não! Bem criada.

08
out

Conheça alguns dos brechós de BH

Você já comprou em brechós? Com o crescimento e a popularização do consumo sustentável a procura por peças de segunda mão tem subido bastante, principalmente entre os millenials e a Geração Z

Seja pela busca de peças vintage e exclusivas, ou pela necessidade de adquirir peças por um valor mais em conta, os brechós estão fazendo sucesso. De acordo com um relatório da ThredUp, empresa americana especializada na venda de usados, as vendas de roupas de segunda mão pelo globo cresceram 25 vezes mais rápido do que o setor varejista como um todo apenas no ano de 2019.

Indicação de brechós de BH

Toda cidade tem um brechó ou bazar, não é mesmo? Por isso, separei algumas indicações para quem mora aqui na cidade. Vem conferir minha lista de brechós em BH!

1- Brilhantina Brechó

O Brilhantina talvez seja um dos brechós mais conhecidos da cidade. Localizado na Savassi, ele conta com um estilo bem retrô e possui um acervo dos anos 20 aos anos 80.

Siga o Brilhantina Brechó no Instagram

Endereço: R. Tomé de Souza, 821 – Loja 3 – Savassi, Belo Horizonte

2- Madame Mê

Funcionando dentro do edifício Maleta, o Madame Mê conta com roupas e calçados de várias numerações e possui preços bastante acessíveis.

Siga o Madame Mê no Instagram

Endereço: Av. Augusto de Lima, 233, Loja 44 – Centro

3- Retrô Brechó

O Retrô Brechó é um dos mais tradicionais de Belo Horizonte e trabalha com grifes nacionais importadas. Os preços são variados e a loja trabalha por meio de consignação, com pagamento feito na hora.

Siga o Retrô Brechó no Instagram

Endereço: Rua Alagoas, 1314 – Savassi

4- Brechó Outra Vez

Para quem está de olho em roupas modernas, o brechó Outra Vez é uma ótima opção. A loja vende roupas, sapatos e acessórios a partir de R$ 10.

Endereço: Av. do Contorno, 5690 – Funcionários

5- Dorotea Brechó

O Dorotea Brechó é conhecido por sua curadoria impecável, feita pela proprietária Amanda Mendes, que é designer de moda.

Siga o Dorotea Brechó no Instagram

Endereço: Rua dos Aimorés, 444 – 2° Piso – Funcionários

6- Camaleoa Brechó

O Camaleoa Brechó foi criado por uma advogada e um arquiteto e é bastante focado nas roupas dos anos 90. Além disso, eles também restauram e customizam roupas.

Siga o Camaleoa Brechó no Instagram

Endereço: Rua Ipiranga, 127, Floresta

Confira mais posts do blog clicando aqui!

05
out

A melhor empresa de mudança em BH

Quem me segue no instagram (@analeticia.ig), ficou sabendo que eu me mudei para A Casa das Árvores na semana passada. Eu compartilhei todo o processo da mudança nos meus stories e resolvi contar pra vocês sobre isso aqui no blog também.

Uma das maiores preocupações que eu e o Luciano tivemos depois de achar a nossa casa dos sonhos foi como seria o processo da mudança. Nós avaliamos várias empresas de mudança em BH (umas quatro ou cinco, se não me engano) e finalmente achamos a escolha perfeita: a Luzitar Mudanças.

foto do caminhão da luzitar, empresa de mudança em BH na frente da minha casa nova
O caminhão da Luzitar em frente à casa nova

Tudo com a Luzitar foi diferenciado! Para começar, eles acompanharam a gente em todo o processo da mudança, do planejamento até a hora de fazer o transporte dos nossos pertences. Eles foram extremamente cuidadosos e realizaram um levantamento completo de tudo que iria ser transportado, para definirem quais embalagens eram as mais adequadas e qual seria o cronograma para a realização da mudança. Aqui ela foi feita em três dias: dois para embalar tudo e um dia para levar as coisas para a casa nova e desembalar.

Uma coisa que me impressionou muito, principalmente por causa do meu trabalho com moda, foi a maneira e o zelo com o qual eles transportam as nossas roupas durante a mudança. Elas foram retiradas do armário, colocadas em araras e embaladas com muito cuidado. Assim, elas ficaram bem protegidas e chegaram na casa nova prontinhas para ir pro armário novamente. Fácil e prático pra quem está se mudando!

E, falando em embalagem, a Luzitar é muito ligada ao conceito de sustentabilidade. Por isso, além de tentarem reutilizar as caixas de papelão tradicionalmente usadas em mudanças, eles também utilizam caixas de plástico. Mas vocês devem estar se perguntando: como assim usar plástico é mais sustentável? As caixas usadas por eles são feitas de material reciclado, podem ser reutilizadas por um período maior (estima-se que até 450 vezes) e elas têm um custo para reciclagem é muito menor que a de papelão.

Além de tudo isso que eu já contei, todos os funcionários são treinados e realizam a mudança uniformizados. Eles também têm frota própria que é rastreada por GPS e fazem entregas tanto em Belo Horizonte quanto no país inteiro! Vocês podem conferir mais detalhes sobre essa empresa maravilhosa lá no site deles: https://luzitarmudancas.com.br/.

Se você estiver planejando uma mudança, eu recomendo demais o trabalho deles. E digo por experiência própria, eles são uma empresa de alta qualidade!

Leia mais posts do blog clicando aqui.

28
set

Pin Top: a blusa com alfinete virou tendência

Já ouviu falar do pin top? São blusas que estão sendo usadas quase totalmente abertas, sendo seguradas apenas por um alfinete, um pequeno botão ou fecho. A trend polêmica já está fazendo sucesso entre celebridades, como Hailey Bieber, Bella Hadid e Emily Ratajkowski.

Como já contamos anteriormente, tendências com um toque sexy estão fazendo muito sucesso. Isso está acontecendo principalmente pela volta dos anos 2000 à moda e pelo anseio à retomada da “vida normal” pós pandemia. O pin top já apareceu até no último desfile da marca Jacquemus.

Como se trata de uma peça bastante reveladora, nem todo mundo vai querer (ou ter coragem de) aderir à moda do pin top. Mas é uma trend muito boa para quem tem um estilo mais sensual e gosta de arriscar na hora de se vestir.

Roupas com alfinete não são novidade no mundo fashion. Então quem criou interesse na tendência, mas ainda não se sente preparado para usar algo tão revelador, pode apostar no detalhe do alfinete de forma mais moderada, mas não menos moderna. Confira os exemplos abaixo para se inspirar!

Leia mais posts dos blog clicando aqui.

22
set

Quais os melhores tecidos para peças de alfaiataria?

Muitas das minhas seguidoras e alunas do curso O Poder do Estilo tem a dúvida de qual o tipo de tecido mais adequado para fazer um blazer estruturado. Então, resolvi escrever um post falando sobre os tecidos mais recomendados para peças de alfaiataria em geral. Vamos?

Se tem um tipo de roupa que é elegante e atemporal, essa é a alfaiataria. A alfaiataria nasceu com o objetivo de criar produções mais sérias. Por isso, ela é composta por peças estruturadas e de corte reto. Atualmente, a alfaiataria se encaixa nos looks mais sofisticados, nos momentos mais casuais e nos mais diversos estilos.

O surgimento da alfaiataria

Você sabia que a profissão de alfaiate é uma das mais antigas da história? No século XVI e XVII os homens começaram a se preocupar cada vez mais com a própria apresentação. Isso ocorreu, pois a maneira como eles se vestiam demostrava sinal de riqueza e de status social.

Ter um alfaiate era considerado um luxo e poucos tinham essa condição na época, sendo um privilégio apenas das famílias ligadas à realeza. O alfaiate cuidava de todo o processo de produção das roupas, desde a escolha das ovelhas até à confecção da roupa diretamente no corpo do cliente.

Vestidos com saias armadas e anáguas eram a única coisa que mulheres podiam usar nessa época. Elas só começaram a usar peças de alfaiataria apenas após a Primeira Guerra Mundial. Esse foi o momento em que elas tiveram que entrar no mercado de trabalho para substituir os homens devido à guerra.

Tipos de tecido adequados para peças de alfaiataria

Quais são os tipos de tecido que são mais recomendados para confeccionar as peças de alfaiataria? Conheça eles abaixo.

  • Crepe de alfaiataria: é um tecido de caimento mais pesado, mais encorpado e de aparência fosca. É bastante confortável porque tem elastano em sua composição;
  • Jacquard: outro tecido de caimento pesado, encorpado e de espessura mais grossa. Ele garante uma peça estruturada e sofisticada;
  • Zibeline: é um tecido muito elegante, encorpado e com brilho acetinado. Também bastante indicado para a criação de peças estruturadas;
  • Oxford: é uma mistura de algodão e poliéster, por isso, é recomendado para criar peças com mais estrutura;
  • Linho: é uma fibra natural e, por isso, é mais leve e rústica. Mistura o conforto com a elegância;
  • Cambraia: é um tecido que possui um pouco de estrutura, mas que costuma ser mais leve por normalmente ser feito de algodão;
  • Lã fria: é um dos tecidos mais finos e tradicionais para a alfaiataria. Sua fibra é bastante delicada.
  • Gabardine: feito de poliéster, ele é um tecido bem resistente e estruturado. É comumente usado em uniformes.

Além disso, você pode usar esse post como um guia para mandar fazer uma roupa ou quando for comprar alguma peça. Entender de tecidos é extremamente importante para saber em que ocasiões uma peça é adequada e como cuidar das suas roupas!

Você tem o costume de usar peças de alfaiataria no seu dia a dia? Depois dê uma olhada no seu armário para descobrir quais desses tecidos está mais presente nas suas roupas!

Confira outros posts do blog clicando aqui.

17
set

O que é o Glamping e porque está fazendo sucesso?

O Glamping tem se tornado uma febre mundial, mas do que esse fenômeno trata? É o que vou falar no post de hoje!

Talvez você já tenha ouvido falar desse termo, ele se trata de uma junção das palavras “glamour” e “camping”, ou seja, seria uma forma mais glamorosa de conviver com a natureza em uma viagem. Muitas pessoas tem procurado uma forma de viajar de maneira segura durante o momento de pandemia e o glamping se tornou uma ótima alternativa para aquelas pessoas que querem se desligar da rotina pesada da cidade.

A ideia é oferecer a oportunidade de conexão com a natureza, mas sem os “perrengues” de uma experiência de acampamento normal. As hospedagens que oferecem glamping passam uma atmosfera rústica, mas sem abrir mão do conforto que um hotel costuma proporcionar aos seus hóspedes.

Como funciona o glamping?

No glamping você é comum se hospedar em tendas, mas elas não são nada parecidas com as barracas do acampamento tradicional. Muitas delas são bastante sofisticadas, contando com climatização e a possibilidade de tomar uma ducha quentinha e, às vezes, até um banho relaxante em uma hidromassagem ou um ofurô.

Mas o luxo não impede o contato com a natureza. Durante todo o período da hospedagem as pessoas acabam convivendo de forma respeitosa com a flora e a fauna do local. Imagina acordar e ir dormir com o som tranquilo da natureza?

Além disso, os locais costumam oferecer diversos tipos de passeio de ecoturismo para que os hóspedes tenham a oportunidade de conhecer as paisagens e também a culinária da região.

Locais para acampar com luxo no Brasil

  1. Ka Bru Brasil – Itacaré (BA)
  2. Glamping SPAço Livre – Rio de Janeiro (RJ)
  3. Mangarito – Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (SP)
  4. Rancho do Peixe – Jericoacoara (CE)
  5. Korubu Safari Camping – Jalapão (TO)
  6. Parador Casa da Montanha – Cambará do Sul (RS)
  7. Anavilhanas Jungle Lodge – Novo Airão (AM)
  8. Glamping & Camping Terras Mágicas – Carvalhos (MG)
  9. Eco Glamping Caraíva – Caraíva (BA)
  10. Cachoeira dos Borges – Mampituba (RS)

Você já conhecia a prática do Glamping?

Leia mais posts do blog clicando aqui.